Manutenção do filtro de ar-condicionado merece atenção

Manutenção do filtro de ar-condicionado merece atenção

Posted by: Carolina Vilanova
Em: 01/10/2021

Hits: 25

Fabricante do componente, a Magneti Marelli alerta que a manutenção do filtro de ar-condicionado merece atenção. Segundo a empresa, a baixa umidade do ar comum nesta época do ano aumenta consideravelmente o nível de poeira e resíduos nos veículos. Além disso, o tempo seco é um fator de risco para problemas respiratórios como resfriados, gripes, sinusites e até mesmo pneumonia.

É por isso que a Marelli Cofap Aftermarket, recomenda que a troca dos filtros do ar-condicionado seja feita no prazo determinado.

A empresa afirma ainda que a troca preventiva do filtro do ar-condicionado, também conhecido como filtro de cabine, previne o agravamento de problemas respiratórios, pois a saturação do filtro aumenta a proliferação de ácaros, fungos e bactérias, deixando uma atmosfera no interior do carro propícia para o desencadeamento de malefícios a saúde dos ocupantes. O filtro garante que o ambiente interno do veículo fique mais limpo, minimizando a entrada de poluentes ou partículas de impurezas.

Entre no nosso podcast

Acesse os vídeos no You Tube

Leia a Revista Frete Urbano

A proliferação de bactérias, fungos e ácaros normalmente são gerados pela retenção dessas impurezas durante o tempo de funcionamento do sistema de ventilação com ou sem ligar o ar-condicionado. O filtro funciona como uma barreira retendo as partículas. Apesar de não ter prazo de validade, a recomendação é de que o filtro de ar-condicionado seja verificado a cada seis meses, dependendo do local onde o veículo é utilizado. Filtros de carros que circulam com frequência em ambientes com muita poeira, por exemplo em grandes centros urbanos ou estradas de chão, devem ser inspecionados em um menor intervalo de tempo.

A revisão, na frequência adequada, é de extrema importância. Caso a troca do componente seja feita em intervalos muito longos, fungos e bactérias podem se instalar nos dutos de ventilação provocando problemas de saúde e mau cheiro dentro do veículo. É necessário ficar sempre atento aos sinais que indicam que o filtro está saturado, como perda de eficiência do conjunto climatizador, mau cheiro quando a ventilação está acionada. Através de inspeção visual do componente, é possível notar a existência de pequenas manchas no elemento filtrante que podem indicar a presença de agentes biológicos.

Comercializados com a marca Magneti Marelli, os filtros de ar-condicionado são fabricados com materiais de qualidade, seguindo os padrões dos equipamentos originais, que garantem a eficácia do produto.

Cuidados na manutenção da cabine

Como vimos, os filtros de cabine e de ar-condicionado são componentes importantes para manter o ambiente interno do veículo limpo e contribuir para a saúde dos ocupantes, mas é possível melhorar ainda mais o ambiente interno dos veículos. Ao efetuar a troca do filtro, é altamente recomendado o tratamento do habitáculo. Com equipamentos adequados, pode-se eliminar partículas em suspensão que contaminaram naturalmente a cabine, e ainda, eliminar maus odores.

O Ozonator Magneti Marelli é um aliado que, em conjunto com a troca do filtro de ar-condicionado, garante a higienização do veículo.  Trata-se de um equipamento dedicado à higienização de veículo através do processo de oxisanitização. Ele auxilia na eliminação de vírus, bactérias, ácaros, insetos, mofo, substâncias químicas danosas, além de fumaça e odores. O processo de oxisanitização é rápido, com duração estimada de 15 minutos em carros médios e 25 minutos em SUVs ou picapes, e pode ser realizado periodicamente. Trata-se de um modo natural para remover todas as impurezas que se acumulam no habitáculo e no sistema de ar-condicionado, inclusive o evaporador.