Lucas dá orientações sobre a revisão das velas de ignição

Lucas dá orientações sobre a revisão das velas de ignição

Posted by: Flávia Gomes
Em: 12/06/2019

Fabricante inglesa de peças de reposição, a Lucas dá orientações sobre a revisão das velas de ignição devido ao trânsito intenso. “Nos engarrafamentos, o motor segue funcionando mesmo que o carro não esteja em movimento. A alta temperatura na câmara de combustão e a baixa rotação, por exemplo, fazem com que as velas sejam expostas a condições mais adversas de uso”, explica Fabio Pignatari, gerente de Produto e Desenvolvimento da Lucas.

Responsáveis por criar a centelha que inflama a mistura ar/combustível para o motor ligar, as velas de ignição com comprometimento excessivo ou com funcionamento irregular podem causar falhas no propulsor e dificuldades na partida do automóvel, levando também ao aumento do consumo de combustível e, consequentemente, dos níveis de emissão de poluentes.

“A Lucas orienta os proprietários de automóvel a consultar constantemente o manual de manutenção e garantia dos veículos sobre a periodicidade de manutenção da peça. A empresa recomenda a revisão a cada 10 mil quilômetros ou uma vez ao ano, o que ocorrer primeiro, principalmente para quem enfrenta o trânsito intenso diariamente”, comenta Pignatari.

Com a revisão preventiva, além de manter o funcionamento do veículo em condições normais para o uso, é possível gerar economia para o bolso, pois as velas com desgaste excessivo também podem reduzir a vida útil de cabos, bobinas, transformador, distribuidor e catalisador.