Utilização do freio na descida da serra exige cuidados

Utilização do freio na descida da serra exige cuidados

Posted by: Flávia Gomes
Em: 24/06/2020

Marca da TMD Friction, um grupo do Nisshinbo Holdings Inc., a Cobreq aconselha: a utilização do freio na descida da serra exige cuidados. O motorista deve usar o freio de forma adequada na descida da serra para evitar o superaquecimento de peças que compõem o sistema e a perda de eficiência na frenagem.

Segundo Raulincom Borges da Silva, coordenador de assistência técnica da TMD Friction, a maior fabricante de pastilhas de freio do mundo, detentora da marca Cobreq, a principal recomendação é descer a serra com o veículo engrenado e nunca em ponto morto.

Receba nossas notícias pelo WhasApp, clique aqui e mande “Oi Frete”

“Dessa forma, o motorista não precisará pisar no pedal do freio o tempo todo, o que contribui para preservar os itens do sistema de frenagem”, comenta. Ele explica que usar o freio de forma excessiva em declive pode elevar excessivamente a temperatura no disco de freio, nas pastilhas e demais peças que fazem parte do conjunto da roda.

Se o carro for manual, é recomendado utilizar a mesma marcha que seria usada na subida. Caso o veículo seja automático, a redução é feita a partir do acionamento do freio ou, quando disponível, por controles manuais na alavanca de câmbio e/ou “borboletas”.

Outra orientação é manter uma distância segura do carro da frente. Além de evitar frenagens bruscas, ajudando a poupar os freios, dá ao motorista mais tempo para agir, principalmente caso os freios comecem a falhar devido ao superaquecimento.

Conforme o coordenador, se o motorista notar que o freio está perdendo a eficiência, a recomendação é diminuir a velocidade e parar em local seguro até que o sistema resfrie e volte a funcionar.

Além de todas as recomendações, o coordenador lembra que o sistema de freio é o principal item de segurança de um veículo e deve sempre estar em perfeitas condições. “Optar por produtos de qualidade e fazer a revisão antes de viajar são práticas importantes para garantir a segurança do motorista e ocupantes do carro”, finaliza.