Nissan Kicks: o utilitário de baixo custo

Nissan Kicks: o utilitário de baixo custo

Posted by: Carolina Vilanova
Em: 20/09/2016

Hits: 5

O novo crossover da Nissan, o Kicks, chegou junto bem adequado ao nosso consumidor, com baixo custo de operação. Modelo global, não poderia representar melhor a marca nos Jogos Olímpicos, dos quais é patrocinadora.

O design é bastante atraente, com linhas arrojadas, expressando com fidelidade a identidade DNA da Nissan. Os destaques são a grade “V-Motion” e o teto flutuante, que deixam o Kicks com um ar bem moderno. Seu projeto teve base na aerodinâmica e em soluções que reduzem o impacto, vibrações e ruídos, para equilibrar desempenho e baixo consumo.

Nissan Kicks 2017
Nissan Kicks 2017

Nota “A” em eficiência energética e emissão de gases do Programa de Etiquetagem Veicular (PBEV) do Inmetro, é equipado com motor 1.6 16V flexfuel, que entrega 114 cv de potência e torque de 15,5 kgfm a 4.000 rpm. O conjunto conta com controle de abertura das válvulas continuamente variável (CVVTCS) e sistema Flex Start System (FSS) de partida a frio, aquele que dispensa o tanquinho de gasolina.

Para combinar, a transmissão inteligente e continuamente variável XTRONIC CVT, com “D-Step” e modo Sport, que proporciona melhor performance mesmo em rotações mais baixas, além de baixo consumo e, consequentemente, menores emissões.

nissan-kicks-1

Recursos tecnológicos não faltam no utilitário compacto, com a câmera 360º e o Detector de Objetos em Movimento (Moving Object Detection), além dos que priorizam a segurança, como o Controle Dinâmico de Chassi (Chassi Control), composto pelos Controle Dinâmico em Curvas (Active Trace Control), Estabilizador Ativo de Carroceria (Active Ride Control) e Controle Dinâmico de Freio Motor (Active Engine Brake), que atuam na suspensão, freios e também na estabilidade.

De olho nos consumidores, O Kicks três anos de garantia sem limite de quilometragem, assistência 24h gratuita por dois anos e preços fechados de manutenção periódicas transparentes. Para se ter uma ideia, a revisão de 60 mil km custa apenas R$ 579,00.

E o Kicks já chegou fazendo maratona, foram 20 mil quilômetros rodados por todas as regiões do país acompanhando a tocha olímpica.